Ah! O verão espanhol…

Férias. Daí que acho que agora deve seguir uma enxurrada de posts. Colocar em dia todas as fofocas, paisagens, dividir o que eu vejo e gosto. Pra começar, atualizo com alguns dos últimos filmes da minha lista.

Juliette Binoche

De todas as ‘musas’ (guardadas as devidas proporções) que passam pelo cinema francês, acho que Madame Binoche é a que menos me deixa (?) aquele famoso pensamento feminino do ‘queria ser como ela’. No entanto, ontem, na busca por um filme ‘tontinho’, me joguei em um dos seus últimos filmes. Há pouco menos de uma semana assisti Elles, também estrelando Binoche. Um filme introspectivo com uma dose de documentário. Vale a pena provar. Voltando ao de ontem… O trailer de La vie d’une autre me fez pensar que o filme era uma versão francesa de “De repente 30”, um dos meus favoritos na prateleira dos ‘tontinhos’. Poderia ser. Só que é produção francesa. Nada de sopros de purpurina que levam a protagonista de volta para o passado lhe dando assim a oportunidade de mudar o futuro, casar com o Mark Rufalo e viver na casa dos sonhos.

Ainda guardando as devidas proporções e citando Adriana Calcanhoto, essa vida de ver tudo “em quadrado” ou “enquadrado” e de remoto controle nos parece fazer ignorar algumas coisas. Ou talvez seja o excesso de ‘tudo ver’ que nos deixa a tal impressão de passar pela vida faltando em tantos eventos. O filme me ganhou, finalmente, na última cena. Em fim, passa a confusão.

Dá uma olhadinha no trailer:

O Divirta-se do Estadão publicou uma lista dos filmes em cartaz em São Paulo. Achei super bacana. Só clicar aqui pra ser direcionado!

Advertisements