Quoi?

É, eu devo escrever, eu sei. Mas ainda não decidi se não o tenho feito por falta de vontade ou por incapacidade de absorver as informações dos últimos dias. E depois de 22 anos dormindo com barulho de carros, televisão, de morar em uma cidade 25h aberta, o sossego.

Como assim, um rio atrás da casa? Como assim, 6 mil habitantes? Como assim, as lojas fecham às 19h? Como assim, eu cruzo o país de carro em 6 horas? É, bem vindo à França. (E como passa notícia de atletismo na TV! Viva!)

Uma das minhas coisas favoritas no momento é perceber diferenças no dia-a-dia. Por aqui, não vi ninguém escovar os dentes quando acorda. Ou joga o papel do banheiro na lixeira (vai tudo pela descarga). E se for convidar uma turma pra sair, certifique-se de ligar para todos. E-mail coletivo não rola. Os convites têm de ser exclusivos.

Advertisements